Irmã Morte II

Irmã Morte – Post I É maravilhoso encontrar o que se pensa e sente de uma forma que jamais seria capaz de me expressar! Para ouvir o poema, declamado por Pedro Lamares: aqui “Quando vier a Primavera“, Alberto Caeiro Quando … Continuar a ler

Flashback… Onde não quero voltar!

Hoje deparei-me com um rapaz, que me fez abrir o baú de memórias, não tão longíquas quanto isso (ano de 2009/2010). Ele, jovem ainda, com um índice de massa corporal muito elevado, obesidade mórbida sem dúvida (explicação sobre o IMC … Continuar a ler