Equipamento: Bastão

Há dias na Levada Ribeiro Frio – Portela (ver aqui), utilizei pela 1ª vez um bastão (improvisado) numa caminhada e fiquei muito agradada. Agora já comprei um, para ir experimentando noutros passeios e levar até Santiago.

Benefícios:
– auxilia nas subidas e descidas,
– alivia as tensões na coluna e nas articulações das extremidades inferiores, particularmente nos joelhos,
– aumento do equilíbrio (podendo reduzir a possibilidade de queda ou de lesão),
– contribui para a manutenção de uma postura mais correcta,
– contribui para um ciclo respiratório mais intenso e activação da circulação sanguínea,
– permite que trabalhe também a parte superior do corpo,
– como os braços estão em permanente movimento, evitam o tradicional inchaço das mãos em dias mais quentes,
– aumenta o gasto energético,
– pode ser usado para verificar a estabilidade do terreno (em caso de neve, lama)
– pode ajudar a se proteger ou a afastar algum animal que apareça no caminho (por ex., cães ou vacas),
– recomendado para quem tem problemas nos joelhos e/ou nos tornozelos,
– ajudam a estabelecer um bom ritmo de caminhada.

Modo de utilizar:
– Regular a altura do bastão um pouco abaixo do nível dos cotovelos, em climas mais frio ou quentes, de modo a não afectar a circulação sanguínea.
– Em terrenos planos, a altura do bastão deverá ser aquela em que o braço fica na horizontal e forma um ângulo de 90º.
– Nas subidas, diminuir a altura do bastão e nas descidas aumentá-la.
– Usar os bastões o mais perto possível da linha de queda do corpo.
– Não utilizar o bastão a tempo inteiro, pois futuramente poderá trazer problemas de equilíbrio quando não estiver apoiado.
– Ao transportar o bastão na mochila, colocar a ponta virada para o chão, de modo a não ferir algum caminhante que vá atrás de si.
– Se transportar carga (ex.: mochila), o uso de 2 bastões mais aconselhado pois reparte melhor o peso e a tensão.
– Se utilizar apenas um bastão e quiser proteger um lado mais sensível, utilize o bastão no lado oposto (ex.: no caso do joelho esquerdo ser mais frágil, deve utilizar o bastão no lado direito).

Se não quiser comprar o bastão com antecedência, ao longo de todo o Caminho de Santiago há lojas com bastões à venda, sobretudo em madeira. Também pode encontrar algum ramo caído que sirva para o efeito.

Mais informações:
http://clubemontanhismodebraga.blogspot.pt/2011/11/o-bastao-de-caminhadas.html

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s