O Caminho: Parábola ou Realidade

O caminho te faz peregrino. Porque o caminho de Santiago não é somente um trecho que se percorre para chegar a alguma parte, não é uma prova para alcançar uma recompensa. O caminho de Santiago é parábola e realidade ao mesmo tempo, porque se faz por dentro e por fora no tempo real que duram as jornadas e ao longo de toda a vida quando você deixa que o caminho de penetre, te transforme, te converta em peregrino.

O caminho te simplifica, porque quanto mais leve seja o equipamento menos te prejudicará as costas e melhor experimentarás o pouquíssimo que é necessário para viver.

O caminho te irmana. O pouco que carregas deverás estar disposto a compartilhar porque ainda que comeces o caminho sozinho, o farás com companhia. O caminho engendra a comunidade: que se cumprimenta, que se interessa pelo caminhar da outra pessoa, que conversa, que compartilha.

O caminho te exige. É necessário levantar antes do sol, apesar do cansaço e das bolhas: terás que caminhar na penumbra da noite até o nascer do dia, é necessário descansar justamente para não parar.

O caminho te convida a contemplar, nos deixa surpreendidos, acolher, interiorizar, parar, calar, escutar, admirar, bendizer a natureza, aos nossos companheiros de caminho, a nós mesmos e a Deus.

(Autor desconhecido)
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s